Aliança pela Floresta Autóctone
Recusar a passividade perante os fogos no nosso território

Perante os incêndios do verão de 2016, muitos cidadãos sentiram que não podiam mais limitar-se a assistir todos os anos ao descalabro do nosso território. Alguns deles preparavam desde há meses uma intervenção cívica sobre o tema, quando a tragédia de Pedrógão Grande (17 de junho de 2017) colocou a premência num patamar ainda mais irrecusável. Decidiram por isso lançar um apelo público, que partilham aqui consigo.

Leia o texto do Apelo e, se sentir como nós, subscreva-o e divulgue-o em seu redor.